27 de junho de 2007

--

era sempre estar só e os fantasmas se descolavam das pontas dos dedos e das raízes dos cabelos e da ponta da língua que não queria estar guardada.
dialogam entre si todos os fantasmas e os meios fantasmas em formação, falam de mim e dos meus cabelos e dedos e língua como casa.
- do you fell like swimming?

depois contam das coisas de dentro, da parte tripas e da parte invisível que ainda não decidiram se existe ou não. concluem com uma certa confusão haver uma certa confusão em algumas das camadas como estas se apresentam parcialmente.
se apagasse a luz ou pudesse simular passos vindos de fora talvez apressasse o fim da conversa e poderia tentar voltar a ler mais ou menos algo até dormir.
ou se você chegasse.
- do you fell like...?
- swimming.

--
--

5 comentários:

Julio Carvalho disse...

ADAPTEI AO MEU MODO...espero q goste!

era sempre estar só
e os fantasmas se descolavam das pontas dos dedos
e das raízes dos cabelos
e da ponta da língua que não queria estar guardada

dialogam entre si todos os fantasmas
e os meios fantasmas em formação,
falam de mim e entre os meus cabelos
e entre dedos e língua como casa.

depois contam das coisas de dentro,
da parte das tripas e da parte invisível
que ainda não decidiram se existe ou não

concluem com uma certa confusão
haver uma certa complicação
em algumas das camadas
como estas que se apresentam parcialmente

se apagasse a luz
ou pudesse simular passos vindos de fora
talvez apressasse o fim da conversa
e poderia tentar voltar
a ler mais ou menos algo até dormir

ou se você chegasse
seria melhor...

ïq disse...

ei, relendo minhas coisas que vi uma nota sua de há tempos. desculpa, acho que uso-desuso o endereço sem pensar.

então, tenho gostado daqui.

ïq disse...

tenho lutado contra os htmls, já não lembro muitas coisas; queria diminuir a fonte, sempre me parece grande demais.

RB disse...

morphine?
curti
bjs
RB

Dona disse...

ó-i-é
vãnnessinha